Made In Heaven

A humanidade não é um estado a que se ascenda. É uma dignidade que se conquista.


Numa conversa com Deus, perguntou-lhe se iria ter oportunidade de se arrepender de tudo o que já tinha prejudicado outros. Era muito necessário conseguir o perdão. Acontece que a forma que arranjou para caminhar até lá, não foi de todo a mais eficáz. Simples, o mal quebra-se com o bem. E neste caso, o mal começou a ser tocado pelo mal, o que dá a sensação que resulta, mas não acaba por se tornar senão um ciclo que não acaba bem. Há várias perspectivas e opiniões, dependendo da experiência que se tem do caso. Mas, há só uma conclusão, única para cada um deles, relacionados.
Embora recebesse da “justiça indirecta”, havia um motivo para a escolha de tal caminho e para tais atitudes. “justiça indirecta” , justifica o efeito, quando o propósito é alívio de consciência? A dúvida sobrepunha-se ao sentimento de culpa, ambos em larga escala mas nunca sem mérito total. Sempre certeiro.
Começava os dias não olhando a meios para atingir o início. Foi assim que começou…

Anúncios

Written by meph

Agosto 5, 2007 às 8:59 pm

Publicado em Uncategorized

%d bloggers like this: